terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Ex-líder de Lula vai apoiar Temer.


Provocado pelo amigo Wanderley Luiz Do Prado, sobre a matéria do novo partido de Cândido Vaccarezza, link acima, vamos as considerações.



1- Tenho um apreço pelo Cândido Vaccarezza, assim como pelo meu amigo Wanderley, embora o mesmo seja assessor do deputado Beto Mansur, de extrema direita, com processos que incluem a mão de obra escrava. O relacionamento equivocado do Wanderley não deve ser motivo para uma inimizade, embora eu não concorde. Conheço o Mansur há 21 um anos, tenho um relacionamento amigável, quando nos encontramos, mas nunca concordei com nada que ele fez na política. Incluindo o apoio ao golpe.
2- Vaccarezza tem o direito democrático de escolher seu caminho, só não deveria confundir com ideologia. Um partido criado para apoiar Temer é um partido conivente com o entreguismo e o fim da soberania nacional. Não se privatizam bens naturais e energéticos (petróleo, xisto, nióbio, água, etc.). Perguntem na Noruega. Apoiar Temer é apoiar a ignorância como trunfo para a manutenção do poder. É apoiar a educação técnica para a criação de escravos modernos. É apoiar o não direito a uma vida após 60 anos.
3- Cândido Vaccarezza foi o melhor líder do PT. Dilma fez uma incomensurável bobagem ao entrar na onda de Mercadante e Cardoso, quando tirou Vaca de sua liderança. Não teria caído se não tivesse mudado. Chinaglia foi uma piada.
4- A matéria diz que Vaccarezza não foi reeleito, mas por algum motivo, não confidenciado a mim, ele simplesmente parou sua campanha a 1 mês das eleições de 2014.
5- O PT nunca foi um partido de esquerda. Escrevi sobre isso em seu início, lá em 80. Pelo contrario, surgiu das negociações com multinacionais e as bençãos de Golbery. Assim como Quércia e FHC. Não esqueçam. Ainda assim fez o melhor governo para pobres, desde Getúlio. Vaccarezza não pode esquecer que é de Senhor do Bom Fim, por coincidência terra de minha mulher. É só ir naquela região e ver que os resultados de Lula foram positivos. Vaccarezza não precisa ser de esquerda, mas gostaria de tomar um café com ele, para saber como deixar de ser progressista, ou não pensar no social para ser neoliberal. Acredito que Vaccarezza, por sua formação política e educacional deve ter um formula secreta.
6- Vaccarezza embora tenha sido o melhor líder do PT, nunca foi respeitado dentro do partido, por Cardosistas, Marcadantistas, e Berzoinlistas. Quando em 2010 comecei a apoiá-lo só ouvi criticas desses grupos que negociaram o PT local, com um delegado de extrema direita e acabaram com o partido na cidade. Na ultima eleição perderam para o PSOL e não chegaram a 0,5% dos votos. Nesse caso acho que Vaccarezza levava grande vantagem sobre Berzoine, Cardoso e Mercadante. Vistos de fora eram seus principais críticos.
7- Acredito que Vaccareza está certo de procurar um novo partido, mas não na direita. Esse é o ponto. O Brasil precisa de um "refundação", como o italiano do amigo e ex-senador Del Roio. É necessário uma nova linguagem e abordagem na esquerda, que una e promova. "refundar". Essa seria a palavra.
8- A matéria cita conversas de Vaccarezza com vários parlamentares, entre eles Arnaldo Jardin. E ai lembrei do Nabi, quando me ligou na Secretaria do Interior do Estado de SP e me disse o seguinte: "Sonsin, vc está confiando muito no Arnaldo, não se esqueça, que antes de ser Jardin, ele é Calil. 2 meses depois eu seria obrigado a acreditar no Nabi.
9- Vaccarezza poderia estar montando o "refundazzione" nacional. Ou qq outro nome que ele escolhesse. Eu seria o primeiro a ajuda-lo. Estaria montando diretórios em pelo menos 30 cidades na região e outras no sul da Bahia onde pretendo estar morando a partir de março. O amigo Vaca tem capacidade. Só não pode acreditar que seu apoio levará Temer a um governo para o povo. O governo Temer é Chevron, é Morgan, é Meireles e Rotischield. É OI. É Globo. É Sarney e Renan. Só não é povo.


Sei que vc vai ler e talvez até pense nisso. Abraços Cândido Vaccarezza, boa sorte, que vc esteja certo, pois eu já cansei de acertar minhas previsões e em cada acerto meu vejo o povo mais afundado. Gostaria a partir de agora, só errar.